Removendo de vez a máscara e a mordaça – Sabá Liberal

Publicado em 04 novembro 2016

Se alguém lhe perguntasse: “Você tem vivido de aparência ou em transparência”? Que resposta você daria?

Sei por experiência própria que ser transparente não é fácil, por isso muitos cristãos sinceros, muitas vezes se encontram perguntando a si mesmo ou a Deus: “Será que as pessoas devem saber quem realmente eu sou”?

Vale a pena? E as implicações em ser transparente? O que realmente significa ser Transparente? Vamos entender melhor sobre esse tema.

O que significa ser transparente?

Eu tenho uma definição do que seja transparência. Para mim, transparência é sinônimo de autenticidade. Uma pessoa transparente em seus relacionamentos é uma pessoa sem dolo, sem farsa, sem engano, que pode ser aquilo que realmente é diante de todos.

Houve épocas na minha vida, quando estava recém-casado e também depois de casados há anos em que precisei pedir ajudar dos meus pastores, atualmente eu e minha esposa somos pastoreados pelos Pastores Abe e Andrea Huber e ainda é assim se precisamos de ajuda vamos bater a porta deles.

E em uma dessas conversas francas a questão era a seguinte: Minha esposa ficava chateada comigo pela maneira como eu a tratava. Para Mariléa, eu a tratava de forma grosseira e sem amor. Uma vez diante do pr. Abe, ela desabafou: “Pastor o que mais me ofende é que ele faz isso na frente dos outros”. Eu me defendi dizendo: Eu sou assim mesmo, as pessoas precisam saber que eu a trato assim perto ou longe das pessoas. Eu não sou hipócrita de agir de um jeito na frente das pessoas e de outro jeito longe das pessoas.

Eu acreditava que precisava ser exatamente aquilo que eu era no meu relacionamento familiar tanto a sós como em público.

O pastor Abe, então, aconselhou-me: – “Sabá, eu entendo a sua honestidade em não querer parecer alguém que você não é diante das pessoas. Acontece, porém, que as pessoas não entendem seu comportamento dessa forma. Elas pensam que, se você é desse jeito na frente delas, imagine longe”

Aceitei o conselho do pastor e tomei a decisão de melhorar, (mas ainda tenho muito pra crescer). Desde então estou esforçando para melhorar meu tratamento com minha esposa, mas sem deixar de ser genuíno com as pessoas ao meu redor.

No entanto, a pessoa autêntica é aquela que é em casa, o que é na rua. Transparência é a capacidade de nos apresentamos diante do outro como realmente somos. Transparência é permitir que alguns homens nos vejam, como Deus nos vê. É deixar algumas pessoas conhecerem aspectos da nossa vida, que não eram conhecidos antes.

A transparência fala toda verdade sobre os fatos, relata os fatos como eles realmente são. Transparência significa tirar as máscaras e eliminar os segredos. Fala de contarmos e falarmos a verdade uns com os outros.

Transparência na prática implica em falarmos francamente e honestamente sobre nossas lutas pessoais, nossos pecados e nossas fraquezas. Transparência é parar de mentir, de esconder, de enganar, de fingir, de ser falso.

A ideia contida no conceito de transparência é a de que eu posso ver o que se encontra no interior. Uma caixa de vidro, por exemplo, um aquário, uma casa com janelas de vidro transparente. Todos esses são exemplos de que eu posso ver o que está dentro. Assim também deve ser a vida do cristão.

A Bíblia diz que toda mentira e segredo têm um prazo de vida, ou seja, algum dia eles virão à tona e será preciso lidar com eles, ou de forma escandalosa ou de forma bíblica. Até mesmo os segredos mais bem escondidos serão revelados.

Deus trabalha em favor da verdade. Um dia, o criminoso vai ser pego, o mentiroso será descoberto e envergonhado. Deus até mesmo trabalha ajudando os polícias a desvendar alguns mistérios, se encarregando de trazer à luz detalhes escondidos.

Em Daniel 2.22, a Bíblia diz o seguinte: Ele revela o profundo e o escondido, conhece o que esta em trevas e com Ele mora a luz.

Em Lucas 8.17, a Bíblia diz: Nada há oculto que não haja de manifestar-se, nem escondido que não venha a ser conhecido e revelado.

Mais à frente, nos capítulos 12 e 13 de Lucas, a Bíblia repete esse ensinamento.

Não há nada encoberto, nada há encoberto que não venha ser revelado e oculto que não venha ser conhecido, porque todo o que dissestes ás escuras, será ouvido em plena luz, e o que dissestes aos ouvidos no interior da casa será proclamado dos eirados.

Tendo entendido a postura de Deus sobre a questão da verdade, existem dois caminhos para lidarmos com essa questão em nossas vidas: o caminho da confissão ou o caminho da proclamação escandalosa. Isso quer dizer que só existem duas maneiras de o segredo aparecer: Quando voluntariamente confessarmos ou quando somos descobertos.

Contudo, não vale a pena seguirmos pelo caminho do engano, pois, como diz um velho ditado popular: “A mentira tem perna curta”. Ela tem dias contados. E mais, todo engano traz prejuízos e danos irreparáveis para a vida de qualquer um que se enveredar por esse caminho. É incomparavelmente melhor, correr imediatamente e se abrir e confessar do que esconder e continuar vegetando e enganado a si mesmo e aos outros

Certa vez uma senhora nos procurou chorando. Ela já havia sido batizada. Antes, porém de batizar, ela havia passado por uma entrevista pré-batismo – Uma oportunidade em que a pessoa tem para contar sua história e se abrir com seu líder de célula. Porém, ela não teve a coragem de falar algo muito grave que ela tinha praticado antes de converter. Passou-se um mês ela me procurou chorando. Ela chorava como uma criança. Eu e minha esposa ficamos com muita compaixão daquela irmã. Ela parecia tão desesperada, parecia que ia morrer. Então finalmente ela conseguiu confessar que havia praticado aborto duas vezes. Quando estava recém-casada, aquela mulher engravidara. Seu marido achava que não era o momento ideal para terem o filho. Por isso, buscaram meios para abortar a criança.

Pela segunda vez ela engravidou. E mais uma vez, o marido julgou ser muito cedo para assumir essa responsabilidade. Novamente optaram pelo aborto. Por causa dessas decisões, aquela mulher não conseguia mais ser feliz. Sentia-se angustiada. Ela não conseguia se perdoar e chorava copiosamente.

Lembro-me que oramos, ministramos o perdão de Deus sobre a sua vida e, quando ela saiu dali, nunca mais sua vida foi a mesma. Ela cresceu tanto e  tornou-se uma grande líder na igreja.

Muitas pessoas se convertem e tratam seus pecados de outrora como águas passadas. Pensam que o que fizeram ou o que viveram antes de se entregarem a Cristo não as influenciará futuramente. Isso é uma grande equivoco.36


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Sugestão de Leitura
Enquete

Deus pode usar a doença para provar uma pessoa?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...
Lista de Links
Copyright 2007-2012, Jota7.com - Todos os direitos reservados.