Uma história impressionante – Sabá Liberal

Publicado em 26 julho 2016

36

Ele era um valente matador de gigantes, um jovem irradiante, um rei majestoso, um guerreiro corajoso e intrépido, um realizador de proezas, alguém que não temia nada e nem ninguém quando o assunto era guerra, um adorador apaixonado e apaixonante, mas que em pouco tempo se tornou em um homem fraco, frágil, sugado, sem energia, sem ânimo, como terra seca, com a sua alma em angustia e seus ossos envelhecidos. Um grande rei, agora reduzido a um prisioneiro da culpa, e tudo isso porque depois de cometer graves pecados resolveu escondê-los.

Esta é a história do rei Davi.

Era tempo de guerra, mas Davi resolveu tirar férias no palácio. Ao sair na varanda para curtir um pouco a ociosidade e comtemplar a beleza do seu palácio, viu uma mulher muito formosa tomando banho. Mandou chamá-la. A linda mulher cedeu e a paixão tomou conta dos dois.

A linda mulher volta para casa e ninguém soube de nada, até que um dia o rei Davi recebe um recado: “Estou grávida”. Como qualquer homem, ele entra em desespero. Para piorar a situação, a mulher era esposa de um dos maiores guerreiros de Davi, Urias.

A fim de esconder seu pecado, Davi mandou uma mensagem ao comandante do exercito pedindo-lhe que envie Urias para casa. Ao chegar, Davi recepciona-o dizendo que ele merecia umas férias e mandou que o soldado fosse para casa aproveitar a companhia e das delicias do amor com sua amada esposa. Pois Davi pensou, se o plano der certo eu tiro de letra e assim o caso se encerra. Pois o filho passa ser de Urias, não de Davi.

Fiel ao seu povo e ao seu rei, Urias se recusa a receber a regalia e desfrutar de uma noite inesquecível com sua linda esposa proposta pelo seu rei e prefere dormir junto com outros servos do palácio junto a casa do Rei. O plano A não funcionou, Ao invés de se humilhar e confessar, Davi parte para o plano B. Convida Urias para jantar no palácio com direito a muito vinho.

Aqui esta o diálogo que rolou entre Davi e Urias. II Sm 11:10-13

10 Então perguntou Davi a Urias: Não vens tu duma jornada? Por que não desceste a tua casa?11. Respondeu Urias a Davi: A arca, e Israel, e Judá estão em tendas; e Joabe, meu senhor, e os servos de meu senhor estão acampados ao relento; e entrarei eu na minha casa, para comer e beber, e para me deitar com minha mulher? Como vives tu, e como vive a tua alma, não farei tal coisa.12. Então disse Davi a Urias: Fica ainda hoje aqui, e amanhã te despedirei. Urias, pois, ficou em Jerusalém aquele dia e o seguinte.13. E Davi o convidou a comer e a beber na sua presença, e o embebedou; e à tarde saiu Urias a deitar-se na sua cama com os servos de seu senhor, porém não desceu a sua casa.

Como o plano B também falhou. Davi impulsionado pela, culpa, pelo medo, pelo espirito de traição que operava nele e pela falsidade, engendra o plano C: Mandar matar Urias. Literalmente vemos aqui o que bíblia diz: Que um abismo nos leva a outro abismo

Veja até onde um homem pode ir, na tentativa de esconder seu pecado. Por isso eu sempre afirmo que pior do que cometer um pecado e esconde-lo

Davi então ordena por meio de carta ao comandante do seu exercito que o soldado Urias seja colocado na frente da batalha, para que recebesse as primeiras investidas inimigas e morresse. E assim acontece, no meio de uma batalha ferrenha, Urias é atingido e morre.

Como Urias o marido da linda mulher que Davi tivera uma caso, ,havia morrido, Davi assume Bete – Seba como sua oficial esposa, e o filho que era dele, e com essa decisão ele “passa panos quentes” na situação. Até que essa historia teve um final feliz, diria alguns políticos. Afinal o plano C, e o plano D deram certo.

Ninguém soube desses pecados horríveis na vida de Davi. Certamente Davi pediu perdão a Deus e continuou a vida, sempre admirado e querido por seu povo, respeitado como um grande líder e guerreiro e muito mais ainda por sua vida de adoração e temor a Deus. E Davi escondeu e guardou em segredo esse pecado por muito tempo. Até que um dia Deus…

Esta parte da historia é que me faz insistir na gritante necessidade da transparência e confissão de pecados.

Até que um dia Deus, cansado de esperar Davi tomar a iniciativa de confessar seus pecados, o denuncia ao seu profeta, revela tudo ao profeta Natã. Deus sempre vai trabalhar para que o pecado escondido venha tona.

O profeta Natã confrontou e expos o pecado de Davi. Não era preciso ser assim mas o rei precisou lidar com o escândalo de seu pecado porque não houve confissão. Há uma enorme diferença entre confessar o pecado e ser descoberto.

Veja a diferencia entre um homem que esconde e um homem que confessa. Davi diz que enquanto ele se calou, a mão do Senhor pesava sobre ele. Meu querido, Deus resiste a uma pessoa quando ela esconde seus pecados. Ainda bem que Davi era um homem quebrantado e não desperdiçou a chance e a oportunidade que Deus esta lhe dando. Ele não endureceu seu coração, pois como rei ele bem que poderia se ele quisesse mandar matar o profeta e seu pecado continuaria em segredo.

Do Livro: TRANSPARÊNCIA  “A NOBREZA DECISÃO DE VIVER SEM MÁSCARAS”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Sugestão de Leitura
Enquete

Deus pode usar a doença para provar uma pessoa?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...
Lista de Links
Copyright 2007-2012, Jota7.com - Todos os direitos reservados.