Palavra de Fé: Uma estação, dois caminhos …

Publicado em 24 abril 2013

Uma estação, dois caminhos …

 

Há uma estação (fim da vida) onde existem dois trens:  um vai para a eternidade sem Deus e o outro vai para eternidade com Deus. Na entrada de cada trem existe uma pessoa. Em um deles, no que leva as pessoas para eternidade sem Deus, um homem grita com todo o entusiasmo:

_ Venha,  pode entrar, a porta aqui é larga e os vagões são imensos, cabe todo mundo.

E insiste em sua propaganda:

_ Você não precisa fazer nada, é só continuar nesse mesmo caminho, só tenha cuidado para não passar muito perto da porta daquele outro trem.  Lá tem um homem muito perigoso.

No meio de todo o tumulto da estação, num vai e vem frenético,  duas amigas, muito unidas, caminham rápido com suas intermináveis malas em direção ao trem que vai para a eternidade sem Deus. Mas uma delas para repentinamente:

_ Por que estamos indo pra aquele trem?

Responde outra pessoa:

_ Ora, por que estamos indo para aquele trem? Porque sim, porque todos estão indo para lá. Você não vê como é mais divertido, como a porta  larga é bem mais fácil de entrar, os vagões enormes cabem muita gente, sem contar que o atendente é um gato e super animado.

_ Não sei não, a gente podia pelo menos conhecer o outro trem. É  uma decisão muito importante, depois de escolhermos não teremos outra chance.

_ Que isso? Tá na cara que esse é o melhor trem, veja a grande festa que os passageiros estão fazendo! Vamos logo!

_ Não, não vou mesmo, antes quero conhecer o outro trem…

_ Você não ouviu dizer que lá tem um homem perigoso, sabe-se lá o que ele pode fazer com a gente?

_ Eu vou lá conhecer. Porque lá também tem algumas pessoas embarcando, e parecem muito felizes? Sem contar que todas as criancinhas correm em direção daquele homem, abraçam Ele, e invadem o trem gritando e sorrindo de alegria.

_ Ah, são pessoas bobas, assim como as crianças fáceis de serem enganadas. Sabe de uma coisa, vamos logo que o nosso trem vai partir.

_ Calma, que pressa é essa?

_ Olha, esse seu papo está muito chato, sabe de uma coisa, eu vou pegar o meu trem, é lá que está a festa, a maioria das pessoas.

_ Não. Calma! Vamos só dar uma olhadinha de mais perto no outro trem, depois a gente volta e embarca.

_ Tudo bem, mas só uma olhadinha e rápida…

Depois de alguns passos as duas pessoas estão de frente ao trem que vai para a eternidade com Deus, e o homem que fica na porta recebendo as pessoas, olha nos olhos delas, e faz o convite:

_ Vocês não querem vir?

_ Por que iríamos com você?

_ Porque, Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão for por mim.

_ Mas a nossa passagem está comprada para aquele outro trem, que aliás, é muito mais animado que esse, onde a maioria está embarcando.

_ Mas aqui você não precisa pagar passagem. A viagem é de graça, alguém já pagou por vocês.

_ Como assim, não existe nada de graça. Quem pagou?

_ Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.

_ Porque as criancinhas só escolhem esse trem?

_ Porque dos tais é o reino dos céus.

_ Chega dessa conversa… Nós estamos perdendo o nosso tempo.  Vamos! O nosso trem já está partindo.

_ Não, eu não vou!

_ Como? Você disse que só daríamos uma olhadinha, e iríamos embora! Vamos logo… Ou vai deixar esse farsante te enganar?

_ Calma, Ele não me parece uma má pessoa…

_ Lembra que o homem do outro trem disse que ele era perigoso? Vamos, vamos sair daqui agora. O nosso trem ta partindo.

_ Eu to em dúvida. Deixe eu  fazer só mais uma pergunta…

_ Não, chega de conversa, vamos amiga. Não quero ir sem você, lembre-se que somos as melhores amigas desde criança.

_ Eu sei, também não quero viajar sem você. Mas deixa-me fazer só mais uma perguntinha.

_ Tudo bem, só uma e depois a gente some daqui, esse homem me incomoda. O olhar dele me perturba.

Diante do homem do trem que leva as pessoas à eternidade com Deus, uma das jovens lhe pergunta.

_ Me dê um bom motivo para que eu embarque nesse trem com você. Pode fazer isso?

_ Sem resposta, ele abaixou a cabeça.

_ Vamos amiga não lhe disse, ele é um farsante. Corre, corre o outro trem está partindo.

Arrastada pelo braço pela amiga, as duas jovens correm, para não perderem  o trem. Mas numa última olhada para trás, a jovem indecisa acena com a mão para o homem do trem para a eternidade com Deus, e com lágrimas nos olhos, ele acena de volta.

_ Por que você parou? Vamos logo! Corre!!!

_ Você não viu?

_ Viu o que?

_ Ele acenou pra mim…

_ Sim, o que tem isso a ver?

_ Você não viu a mão Dele?

_ Não, e vamos embora, daqui logo.

_ Eu não vou com você…

_ Não acredito! Por que não? Você tá doida? É a última chamada. Vamos logo, somos amigas.

_ Então volta comigo? Eu vi a mão Dele acenando

_ Claro que não, aquele não é o nosso trem, o nosso é aquele. E vamos logo!

_ Perdoe, eu já decidi.

_ O que te fez mudar de idéia, amiga?

_ A mão dele é furada

 

Medite nestas palavras, elas podem mudar sua vida.

Que Deus te abençõe!

Pr. Marcone Lázaro


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Sugestão de Leitura
Enquete

Deus pode usar a doença para provar uma pessoa?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...
Lista de Links
Copyright 2007-2012, Jota7.com - Todos os direitos reservados.